Cheguei ao fundo do poço

Fala galera!

Hoje temos a dúvida de um leitor que, literalmente, chegou ao fundo do poço (ou virou assexuado ehhe).

Tenho 19 anos, e tenho levado nos últimos tempos (em torno de um ano) uma vida de um peganinguem, antes não pegava as t0, só que pegava algumas. Com o passar do tempo, caí nos conselhos de minha mãe que sempre achou que deveria arrumar uma namorada sério.

No período, eu estava começando com as mais ou menos, mas comecei a namorar, seguindo os conselhos da minha mãe.  Passei um ano namorando, mesmo não estando feliz com o relacionamento. Nos primeiros 2 meses antes de finalizar a menina, até teve alguma graça, depois ela virou apenas um lanchinho sem graça, sem nada novo.  Passado um ano, ela terminou o namoro.

Eu, sem quase nenhuma autoestima, ainda fiquei com duas amigas em um período de semanas... sendo que uma delas quase implorou para eu a comê-la. No entanto, nos últimos 8 meses, não tenho sentido tanta vontade de pegar as mulheres, nem ao menos de ficar ou sair. E para completar, ainda perdi o emprego há 6 meses, sem nenhuma razão aparente. Fui pressionado dentro da casa dos meus pais devido a esse fato. Fui acusado e jogado para escanteio. Isso foi uma das causas para eu não querer sair, mas ninguém sabe disso. Preciso da ajuda de vocês.

Nos últimos 4 meses, tentei voltar a jogar todo tipo de jogo online, mas não é o bastante. Meu corpo pede adrenalina, aventura, novidade. E por não ter ou saber como desenvolver uma rede social, tenho caído em um estado de depressão no qual fico febrio e sinto dor em todo o corpo. Sei que não é físico, quero ajuda. Principalmente na parte do desenvolvimento da rede social, pois não tenho nenhum amigo e ainda estou desempregado.

 

Caro amigo vizinho da Samara,

A sua vida chegou ao fundo do poço porque você deixou que isso acontecesse. A culpa foi única e exclusivamente sua. Veja bem, você começou a namorar porque a mamãe quis (PEGANINGUEM SUPER EXTREME PLUS, KIKO FILHINHO DA MAMÃE ). Foi infeliz por um ano e mesmo assim continuou. Por que fez isso? Qual o motivo de continuar em uma relação que te faz infeliz?

Mesmo sem querer continuar na relação, ficou sem autoestima quando ela terminou. Oras, um relacionamento é algo muito sério e muito importante. Se você estava infeliz, consequentemente, estava sendo um péssimo namorado. Qual a surpresa dela ser o homem da relação e fazer o que você já deveria ter feito há muito?

Depois perdeu o emprego. Bem, você estava deprimido, sem autoestima e se pergunta porque perdeu o emprego? Como um funcionário desses pode ser produtivo? Teve motivo sim, o seu estado mental. Aí reclama que sua família encheu o saco. Normal, pais são assim.

E para completar, qual foi a grande solução que você encontrou? JOGAR ONLINE!! Caralho, mano. Como nunca pensei nisso? Vou passar a dar aulas de Tíbia nos meus cursos para melhorar a autoestima, fazer as pessoas melhorarem a aparência, arrumarem emprego e ainda pegarem todas. Precisa dizer mais alguma coisa?

Para de choramingar feito uma mulherzinha e resolve essa tua vida. Você é um HOMEM e a sua vida é responsabilidade única e exclusivamente SUA. Você é quem deve melhorá-la. Passe a fazer esportes, vista-se melhor, cuide do corpo e da alimentação. Pare de achar que é um coitadinho e comece a saber que você tem valor. Aja dessa maneira.

Siga os conselhos que damos aqui. Lá tem parte separada por estados para conhecer as pessoas. Quer fazer amigos? Para começar, seja uma pessoa agradável. Pessoas deprimidas não são.

Passe a procurar outro emprego. Corra atrás.

Resumindo, a solução está em si mesmo. Se mudar o seu estado mental de coitadinho para alfa, seus problemas se resolverão em um curto período.

5 comentários em “Cheguei ao fundo do poço”

  1. PN SUPER EXTREME PLUS, KIKO FILHINHO DA MAMÃE kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  2. O cara precisa de algo em que se focar, estudos, um esporte, um hobbie, como bem disse o aspirante, complementando o post, nessa situação, o que ele mais precisa é se determinar a fazer alguma coisa. Tipo o capitão nascimento no tropa de elite 2, a vida dele tava uma merda, o filho achava q ele era um assassino, o matias achava que era um traidor, ele não parava de brigar com a ex-esposa e o marido dela… O que ele fez? Se afundou no trabalho. É isso que o leitor precisa, um foco.

  3. O Felipe tem razão “leitor”, quem faz as nossas vidas, somos nós mesmos.. creio que você só vai evoluir quando começar a perceber que o problema pode estar em você e não em fatores externos, e tentar corrigi-los.

    Uma singela dica, procure praticar um esporte e foque parte da sua energia nisso, tente ficar bom nele, no meu caso quando começei a praticar esportes de luta, minha auto confiança em todos os lugares subiu muito, tanto no trabalho, na rua, escola etc… embora eu nunca tenha brigado na rua desde que começei a praticar.

  4. Excelente, Felipe! As vezes é necessário um choque de realidade na vida de algumas pessoas para elas de fato acordarem.
    Siga os conselhos do Felipe, caro leitor. E que sirva de experiências para o futuro.

    Abraços

Os comentários estão encerrado.

» NUNCA MAIS FIQUE SEM ASSUNTO